Cirurgias plásticas em Fortaleza | Natal | São Luís

Dr. Davi Pontes

CIRURGIÃO PLÁSTICO | CRM 11052

Portuguese English French Italian Japanese Spanish

gg1

 

Lipoaspiração e Lipoescultura

Lipoaspiração-e-Lipoescultura

Uma silhueta cheia de curvas nunca sai de moda. O problema é quando você perde o compasso e o corpo violão, fica mais para violoncelo… cintura fininha, quadril super largo e, o pior, cercado de gordurinhas. O verão é o tempo de suar a camisa nas academias e lutar pelo corpo perfeito. Por mais intensa que seja a malhação, sempre persiste aquela gordurinha. Não há exercício, nem dieta que a elimine, a solução para esta amiga inconveniente é a Lipoescultura ou a Lipoaspiração.

A Lipoescultura consiste em retirar o excesso de gordura de determinada região, por meio de lipoaspiração, e injetá-la em outra parte para remodelar o corpo. O procedimento pode esconder os buraquinhos da celulite ou aumentar os glúteos. A cirurgia pode ser realizada em várias regiões do corpo, como no abdome, quadris, culote, coxas, joelhos, braços e queixo. “A Lipoescultura não deve ser feita para aumentar as mamas, pois como a região já possui nódulos gordurosos pode causar confusão no resultado de exames como mamografia”.

Como a gordura injetada é do próprio paciente não há riscos de rejeição. O organismo absorve cerca de 30 à 50%  desta gordura, por isso o Cirurgião Plástico injeta um pouco mais de gordura para compensar o processo natural do corpo. Na Lipoescultura não indico massagear as regiões em que a gordura foi aplicada, pois a massagem acelera o processo de reabsorção da gordura.

As indicações para o pós-operatório são bastante semelhantes com a lipoaspiração. Deve-se usar a cinta elástica até 45 dias, evitar esforços durante pelo menos um mês e não molhar os curativos até dois dias depois da operação. A exposição ao sol deve ser evitada durante o período de oito semanas. É comum no segundo e terceiro mês a retração da pele, o efeito do contorno corporal só aparecerá, notavelmente, em seis meses.

Vale lembrar que o objetivo da Lipoescultura não é emagrecer, e sim atingir o resultado do corpo perfeito. Assim como não elimina a necessidade de exercícios físicos e de uma alimentação equilibrada, “A Lipoescultura surgiu para remover os excessos de gordura que não respondem a dietas, exercícios ou medidas clínicas”.

A técnica cresceu muito nas últimas duas décadas, e teve um alto desenvolvimento em todo o mundo, principalmente no Brasil. Especialmente com o aparecimento das cânulas muito finas, que exercem a função de retirar o excesso de gordura, o resultado da Lipoescultura é mais preciso, o que garante a satisfação do paciente. Hoje a técnica da Lipoescultura se aperfeiçoou suficientemente para colaborar com o resultado do corpo perfeito, satisfazendo a vaidade de homens e mulheres.

Lipoaspiração ainda é a técnica mais procurada para eliminar a gordura localizada. “No caso do culote, na maioria das vezes a indicação é evidente e o índice de sucesso é bastante alto”, fala Alexandre Barbosa. Nesse procedimento, a gordura é aspirada por meio de uma cânula e a incisão deixa uma cicatriz imperceptível.

Depois da Lipo, a paciente terá o culote mais enxuto. “O máximo que se pode tirar de gordura no corpo inteiro em uma lipoaspiração é de 5% a 7% do peso corporal. Como o culote é uma área pequena em relação ao corpo, não vai chegar perto desse número – então é possível tirar toda a gordura extra. Só não pode exagerar”, diz o cirurgião plástico.

Após as duas intervenções, precisa usar a cinta cirúrgica e fazer drenagem linfática. A recuperação é rápida e no máximo uma semana a paciente está liberada para dirigir e levar a vida normal. Exposição solar, porém, nem pensar. O ideal é esperar pelo menos dois meses antes de tomar sol.

selo

canal4
fanpage
localizacao

medico-consulta-com-br